Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
CRISTO É A VERDADE

Translate this Page

Rating: 3.0/5 (2943 votos)



ONLINE
3





http://www.comcms.com.br/

BIBLIA DE 1500 ANOS

 


O ministro da cultura e do turismo nesta quinta-feira confirmou relatos da mídia, sugerindo que uma Bíblia de 1.500 anos de idade que foi descoberto pela polícia turca durante uma operação anti-contrabando, em 2000, está sendo mantido em Ancara hoje.
Segundo a imprensa na quinta-feira, a Bíblia foi apreendida a partir de uma gangue de contrabando de artefatos durante uma operação policial no sul da Turquia em 2010 e, segundo conserva sua originalidade e muitos vestígios do período em que ele se originou.

Cultura e Turismo Ministro Ertuğrul Günay disse na quinta-feira que o ministério tem recebido uma cópia da Bíblia do tribunal de Ancara, que remonta a 1.500 anos atrás e é pensado para ter sido escrito em aramaico, a língua de Jesus. Ele disse que a Bíblia restauração necessidades e ela será aberta para exibição pública depois disso.

Os relatórios da mídia turca disse também na quinta-feira que o Vaticano pediu que a Turquia deixe de examinar a Bíblia de 1.500 anos de idade, no entanto, a embaixada do Vaticano em Ancara negou os relatórios na quinta-feira, sugerindo que o Vaticano tinha pedido a Turquia para examinar a cópia da Bíblia, em Ancara.

A Bíblia de capa de couro, que se diz valer a pena TL 40 milhões, foi escrito em folhas de couro e agora está sob proteção, pois é considerado como um ativo de grande valor cultural. Mesmo uma cópia Xerox de páginas do livro é relatada a valer tanto quanto TL milhões de 3-4.

Alguns relatos da mídia também disse que a cópia da Bíblia em Ancara pode ser uma cópia do Evangelho muito debatido de Barnabé, que os muçulmanos reivindicam é um evangelho original que mais tarde foi suprimida, as cópias mais antigas desta data evangelho de volta ao século 16 e são escrito em italiano e espanhol. No entanto, o Evangelho de Barnabé não está incluído nos quatro evangelhos que atualmente compõem o Novo Testamento canônico - Mateus, Marcos, Lucas e João.

O Evangelho de Barnabé contradiz o relato do Novo Testamento canônico de Jesus e seu ministério, mas tem fortes paralelos com a visão islâmica de Jesus. Muito do seu conteúdo e temas paralelos idéias islâmicas, e inclui uma previsão de Jesus do profeta Maomé vir à Terra.

Ömer Faruk Harman, professor de teologia, disse que exames científicos podem revelar se a Bíblia em Ancara é o Evangelho de Barnabé, que segundo ele está em conformidade com as mensagens no livro sagrado muçulmano do Alcorão e é acreditado pelos muçulmanos para ser a cópia mais original da Bíblia .


Ele disse, em linha com a crença islâmica, o Evangelho de Barnabé trata Jesus como um ser humano e profeta não um Deus, rejeita a trindade e crucificação de Jesus e inclui uma previsão sobre o Profeta Maomé vir para a Terra. Sobre as perspectivas de se a Bíblia poderia ser o Evangelho de Barnabé, Ihsan Ozbek, um pastor protestante, disse que isso é improvável, porque St. Barnabas viveu no primeiro século e foi um dos Apóstolos de Jesus, mas a Bíblia é dito em Ancara ser a partir do quinto ou sexto século.

"A cópia em Ancara poderia ter sido escrito por um dos seguidores de São Barbanas e desde há cerca de 500 anos entre São Barnabé ea escrita da cópia da Bíblia [em Ancara], os muçulmanos podem se decepcionar ao ver que este cópia não inclui coisas que eles gostariam de ver e pode ter nenhuma relação com o conteúdo do Evangelho de Barnabé ", disse Özbek.

Aydogan Vatandaş, um jornalista de hoje Zaman e autor que já escreveu dois livros sobre o Evangelho de Barnabé, disse que não há indício de que a Bíblia mencionada na imprensa turca remonta a 1.500 anos atrás, mas ele disse que tem certeza de que o Evangelho de Barnabé tinha sido escrita na língua aramaica e alfabeto siríaco.

Como resultado de sua pesquisa, Vatandaş disse que achou que esse Evangelho foi realmente preservado pela unidade de inteligência das Forças Armadas especial na década de 1990 e que algumas partes deste Evangelho foram traduzidos por uma linguagem aramaico especialista Dr. Hamza Hocagil sob o controle do unidade de inteligência. Ele disse Dr. Hocagil foi pedido para parar traduzi-la por parte das Forças Armadas Especiais, quando descobriu-se que ele tinha compartilhado informações sigilosas com os jornalistas na época.

"Desde então, não sabia onde estava este Evangelho. Depois do meu livro sobre a história inteira do Evangelho e os incidentes criminais que o rodeiam, o interesse do público e a curiosidade aumentou e os militares turcos tem sido alvo de várias perguntas sobre o caso. Por isso, acredito que o surgimento deste novo Evangelho é muito oportuna ", disse ele. Vatandaş também afirmou que três outras cópias deste Evangelho escrito por Barnabé St. estão escondidos em locais diferentes na região, de modo que o Evangelho, em Ancara, pode ser um desses também.





 

 

 

 



fonte: Aqui

Criar um Site Grátis Incrível | Criar uma Loja online Grátis | Sites Grátis | Free Websites | Wordpress e Prestashop Grátis