Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
CRISTO É A VERDADE

Translate this Page

Rating: 3.0/5 (2959 votos)



ONLINE
5





http://www.comcms.com.br/

AS VARIAS LENDAS DA FLOR DE MIÓSOTIS

 

 


As Várias Lendas da Flor Miosótis

 




Por Bruno Ribeiro


Devido à grande procura pelo texto da Lenda da Flor Miosótis, nós do Mania de Sentir decidimos procurar um pouco mais sobre a história dela, e descobrimos fatos interessantes.

Ela é conhecida em vários idiomas por "não-me-esqueças". O nome "miosotis" significa "orelha de camundongo", devido ao formato da pétala da flor. É originária da Rússia e possui entre 25 e 30 centímetros em sua fase de florescimento. Pode ser constituída por flores azuis, brancas e rosadas e se afloram durante a primavera.

Para explicar sua história, existem diversas lendas, que são passadas de pais para filhos. Listamos aqui algumas mais conhecidas:

Deus e o nome da florzinha
Diz a lenda que Deus assim chamou a florzinha porque ela não conseguia recorda-se do próprio nome.

Adão e a flor Miosótis
Conta-se que o nome teria sido atribuído por Adão, ainda no Éden, que ao dar nomes às plantas do Jardim do Éden, não viu a pequena flor azul. Mais tarde, percorrendo o jardim para saber se os nomes tinham sido aceitos, chamou-as pelo nome. Elas curvaram-se cortesmente e sussurravam sua aprovação. Mas uma voz delicada a seus pés perguntou: “- E eu, Adão, qual o meu nome?” Impressionado com a beleza singela da flor e para compensar seu esquecimento, Adão falou: “ – Como eu me esqueci de você antes, digo que vou chamá-la de modo a nunca mais esquecê-la. Seu nome será não-te-esqueças-de-mim.”

A última frase do cavaleiro
Conta uma antiga lenda alemã, que o nome está relacionado com a última frase de um cavaleiro que, tentando alcançar uma flor azul para oferecer a sua companheira, por conta do peso da armadura, caiu num rio e afogou-se.

Lágrimas da Virgem Maria
Uma lenda cristã e popular conta que as flores dessa planta teriam ficado da cor azul quando a Virgem Maria lhes derramou lágrimas por cima..so lenda!

O caminho para os tesouros invisíveis do mundo
O folclore europeu atribui poderes mágicos ao miosótis, como o de abrir as portas invisíveis dos tesouros do mundo. O tamanho reduzido das flores parece sugerir que a humildade e a união estão acima dos interesses materiais, porque é notada principalmente quando, em conjunto, forma buquês no jardim.

O Miosótis no Nazismo
Através de todo o período negro do nazismo, a pequenina flor azul identificava um Irmão. Nas cidades e até mesmo nos campos de concentração, o miosótis adornava a lapela daqueles que se recusavam a permitir que a Luz se extinguisse.
Criar um Site Grátis Incrível | Criar uma Loja online Grátis | Sites Grátis | Free Websites | Wordpress e Prestashop Grátis